Registro exclusivo de criações para evitar plágio vale a pena?

Registro exclusivo de criações

Já respondemos de imediato que sim! Trabalhamos com criações e nos importamos muito com o que desenvolvemos e isto é algo de grande importância principalmente para o cliente que saberá que sua criação não é simplesmente mais uma cópia que outros estão utilizando ilegalmente.

Registro exclusivo de criações para evitar plágio e proteger sua empresa ou negócio e suas importâncias:

Para darmos foco no assunto, se tratando em Propriedade Intelectual, muita gente não compreende ignorando de fato a proteção das criações intelectuais achando que não tem uma validade interessante.

O fato é que criações exclusivas devem ser registradas para se tornarem únicas e não se tornarem cópias que é o que mais ocorrem na internet.

Mas é possível hoje em dia não ter cópias?

A resposta é sim! Pois referências são diferente de cópias e servem para inspiração. Mas o famoso copiar e colar, salvar e usar e usar as imagens é plágio.

O nome da marca e/ou empresa pode ser único se tornando referência única para quem possui o registro.

Levando somente a entender brevemente o que se trata de proteção  de marcas e patentes:

Explicando brevemente, o direito reservado é para proteção de Propriedade Intelectual que envolve todas as criações (não iremos aprofundar muito nesta postagem), concedendo permissão aos seus titulares os direitos econômicos os quais estabelecem a forma de comercialização, circulação, utilização e produção dos bens intelectuais ou dos produtos e serviços que inserem as tais criações intelectuais.

Agora imaginamos uma marca ou nome de empresa de seu negócio exatamente igual ou parecida sendo que o proprietário da tal marca pode evitar isto.

Qual a lei da proteção legal de Propriedade Intelectual? 

A Propriedade Intelectual está ligada com as criações da mente humana. Ela envolve os Direitos Autorais da lei 9.610 que está em vigor desde 19 de fevereiro de 1998.

A lei não impões algo a ser obrigatório, o direito autoral na realidade é uma garantia de que ator da obra tem o direito legal de comercializar e divulgar sua criação, assim como proteger contra o uso indevido por terceiros, no caso de cópia e plágio, tornando-se um documento que tranquiliza o proprietário.

Onde pode ser registrado como direito autoral no caso marcas? 

O registro somente do design como suas composições podem ser feitas exclusivamente por aqui com a criação desenvolvida conosco e o registro em escritório de direito especializado a qual mantemos parceria.

O registro do nome da marca como o design, ambos podem ser registrados junto ao órgão INPI (Instituo Nacional de Propriedade Industrial), todo o tramite e técnicas para os tais registros fazemos por aqui em nome do cliente podendo ser pessoa física ou jurídica.

Então temos duas opções de registros, de forma que já realizamos a primeira opção para lhe garantir a originalidade de nossas criações.

E se ocorrer plágio na criação? 

É bem comum isto ocorrer, principalmente na internet de muitas criações serem copiadas ou seja sendo plagiadas. Neste caso, o direito autoral tem como função provar a originalidade da obra e como também provar quem é o autor, empresa ou negócio responsável pela criação e detentor dos direitos legais dentro da lei.

Obs: Todo serviço de criação que fazemos é registrado com certificação legal, podendo ser em nome de pessoa física ou jurídica que o(s) solicitante(s) informar(em).

ricardo selis Escrito por:

Designer gráfico e webdesigner

seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.